VOCÊ SE ENVOLVEU EM UM ACIDENTE?

SAIBA O QUE FAZER!

 

  Seguro é uma das poucas coisas que se paga e ao mesmo tempo não se quer usar, não é mesmo? Mas você pode se envolver em um acidente, em uma ocorrência de roubo ou furto. Essas ocorrências são chamadas  de “sinistro”. E se você se envolver em um sinistro, como agir?
 

Como agir em caso de sinistro?

 

  Basta abrir seu aviso de sinistro via site ou pedir ao seu corretor para que ele faça esta abertura de sinistro para você. É necessário ter em mãos o nome completo do condutor, a marca do veículo e a placa. As Seguradoras necessitam destas informações para fazer a abertura do sinistro.
Permaneça atento às instruções do seu Corretor de Seguros, ele lhe orientará exatamente sobre o que fazer para que tudo corra de forma rápida e clara.

Em caso de socorro

 

  Lembre-se de que, dependendo do plano de assistência contratado, a Seguradora oferece os seguintes serviços de socorro ao segurado:
 

  • Socorro Volante;

  • Reboque;

  • Chaveiro;

  • Auxílio na Falta de Combustível;

  • Substituição de Pneu Furado;

  • Serviço de transporte dentro do município de domicílio do segurado;

  • Transporte para retorno ou continuação de viagem;

  • Serviço de passagem para retirada do veículo reparado;

  • Hospedagem;

Em caso de colisão​​

  • Procure manter-se tranquilo;

  • Caso haja vítima, chame imediatamente o socorro;

  • Anote para onde o socorro encaminhará a vítima;

  • Encontre o melhor local para sinalizar e faça isso logo (assim você evita novos acidentes);

  • Procure estar sempre próximo ao veículo acidentado. Se não puder, tente manter alguém de sua confiança próximo ao veículo;

  • Anote ou peça a alguém para anotar o dia, a hora e o local (rua, número, ponto de referência) onde ocorreu o acidente. É muito importante anotar nome do(s) motorista(s) e dos demais envolvidos. Também é importante anotar como aconteceu a colisão;

  • Faça o B.O. (Boletim de Ocorrência) com a autoridade policial local. Para isso, é necessário ter informações dos terceiros envolvidos(nome do motorista, telefone, placa, marca e modelo do veículo, CPF);

  • Para o B.O. ou em outros casos, verifique os nomes das testemunhas a seu favor, assim como o endereço e o telefone;

  • Pode ser que o Terceiro assuma a culpa do acidente. Nesse caso, peça o nome da seguradora, nome do responsável pelo seguro e o telefone para contato. Atenção: quando a seguradora do terceiro é acionada em virtude da responsabilidade de um de seus segurados, você deverá agir conforme exigências daquela seguradora. A reparação do seu veículo, assim como a autorização dos serviços ficarão a cargo dessa seguradora;

  • A todo o momento, evite discutir, brigar, criticar ou provocar. Tenha sempre em mente que você tem Seguro e não precisa se preocupar;

  • Pode ser que o Terceiro seja o culpado mas não queira assumir a culpa. Nesse caso, mantenha a calma. Aja conforme as orientações acima e, caso necessite, ligue para seu Corretor pedindo o auxílio ou a retirada do seu veículo do local do acidente;

  • Importante: eventualmente poderá ocorrer a tentativa de um terceiro querer pagar a sua franquia (nesse caso você assumiria a culpa). Nunca aceite por se tratar de falsa declaração. Se comprovada, poderá trazer consequências sérias para ambos;

  • O veículo poderá ser levado para uma Oficina Credenciada pela Seguradora ou uma outra de sua livre escolha;

  • Importante: NUNCA faça o reparo ou o conserto do veículo sem a autorização prévia da Seguradora. Ao fazê-lo, você poderá perder o direito de receber o seguro.

 

Em caso de roubo ou furto

  • Não deixe para depois: anote imediatamente o local, a hora e a data;

  • Ligue para a polícia militar ou civil e denuncie o ROUBO ou o FURTO. Lembre-se: o telefone da Polícia Militar em todo o Brasil é 190;

  • Imediatamente procure a delegacia mais próxima e registre a ocorrência fazendo um B.O. (Boletim de Ocorrência). O B.O. deve registrar, também, os documentos pessoais e do veículo (caso tenham sido roubados). Isso é muito importante para a sua segurança;

  • Prepare cópia dos seguintes documentos para apresentá-los à Seguradora, caso seja solicitado: Documento Único de Trânsito (DUT), Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do motorista, Carteira de Identidade (RG) e do CPF do segurado, Boletim de Ocorrência (B.O.);

  • Caso o veículo tenha sido encontrado, tenha o original e a cópia do Termo de Entrega do Veículo.

  • Ao agir de forma prudente, você evitará transtornos. Busque sempre as orientações de seu Corretor no momento da contratação do seguro.

*informações oferecidas pela Azul Seguros (https://www.azulseguros.com.br/perguntas-frequentes/faq-sinistros/voce-se-envolveu-em-acidente/)